Secretaria de Parcerias em Investimentos

Secretaria de Parcerias
em Investimentos

Início » Audiência Pública sobre projeto de desestatização da Emae será realizada no dia 22
Share

Audiência Pública sobre projeto de desestatização da Emae será realizada no dia 22

Participação pode ser feita de forma oral ou por escrito, mediante inscrições. Sessão será remota com transmissão ao vivo pelo YouTube.

A Secretaria de Parcerias em Investimentos (SPI) realizará, na sexta-feira (22), às 10h, a Audiência Pública nº 02/2023 para colher sugestões e contribuições sobre o projeto de desestatização da Empresa Metropolitana de Águas e Energia (Emae). A sessão pública será realizada de forma remota, com transmissão ao vivo pelo canal oficial do Governo de São Paulo no YouTube.

A sessão pública visa receber as manifestações da sociedade a respeito da operação de alienação dos ativos mobiliários detidos direta e indiretamente pelo Estado de São Paulo junto à Emae. A participação é aberta a todos os interessados e pode ser feita de forma oral ou escrita. Aqueles que desejarem ter fala devem efetuar cadastro por meio do e-mail “audienciapublica@emae.com.br“, com imagem legível da cédula de identidade anexa. As participações por escrito devem ser remetidas ao mesmo endereço eletrônico.

A íntegra do regulamento da audiência pública e dos documentos relativos à operação podem ser acessados na página “Participação Social“, no menu “Transparência” do site da SPI.

A Emae é uma sociedade anônima de capital aberto controlada pelo Estado de São Paulo e que atua no setor de geração de energia hidrelétrica, além da operação do Canal Pinheiros e de reservatórios localizados na Grande São Paulo.

PPI-SP
O Programa de Parcerias de Investimentos (PPI-SP), coordenado pela SPI, tem como objetivo ampliar as oportunidades de investimento, emprego, desenvolvimento socioeconômico, tecnológico, ambiental e industrial em São Paulo. A atuação da iniciativa é baseada na sustentabilidade dos projetos, na segurança jurídica, na estabilidade das normas e observação, além das melhores práticas nacionais e internacionais. Esses pilares norteiam a relação entre o Estado de São Paulo e as empresas parceiras.

Secretaria de Parcerias em Investimentos