Secretaria de Parcerias em Investimentos

Secretaria de Parcerias
em Investimentos

Início » Está aberta a fase de consulta pública do projeto de concessão do lote rodoviário Nova Raposo
Share

Está aberta a fase de consulta pública do projeto de concessão do lote rodoviário Nova Raposo

Serão 125 quilômetros concedidos à iniciativa privada para melhoria da infraestrutura viária e segurança dos motoristas. Projeto prevê investimentos para melhorar tráfego de veículos na chegada à São Paulo

O Governo de São Paulo, por meio da Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), publicou, nesta sexta-feira (15), a Consulta Pública nº 03/2024 para colher contribuições e sugestões para o projeto de concessão do sistema rodoviário denominado Lote Nova Raposo. A publicação está disponível no Diário Oficial do Estado (DOE). O projeto faz parte do Programa de Parcerias de Investimentos do Governo de SP (PPI-SP) e prevê investimentos de R$ 9,07 bilhões.

Podem participar pessoas físicas ou jurídicas interessadas na matéria. As contribuições devem ser encaminhadas, por escrito, até às 18h do dia 16 de abril, para o endereço eletrônico novasconcessoes@artesp.sp.gov.br. As sugestões deverão ser feitas utilizando o formulário-modelo disponibilizado, nos formatos Excel e PDF.

As informações sobre o projeto de concessão, bem como o regulamento e a forma de participação na Consulta Pública estão disponíveis no site da ARTESP. Serão apreciadas apenas as contribuições que contenham identificação do participante e contato (e-mail e telefone), que estejam devidamente inseridas no formulário-padrão e dentro do prazo de envio.

Lote Nova Raposo

A concessão inclui quatro rodovias: SP 270, SP 280, SP 029 e SPA 053/280 e também o trecho municipal entre os municípios de Cotia e Embu das Artes, paralelo ao Rodoanel Oeste. Vai beneficiar 14 municípios. O projeto prevê investimentos para duplicação de 36,16 km, implantação de 36,65 km de faixas adicionais, 48,26 km de vias marginais; 24 novos dispositivos, adequação de 59 novas obras de artes especiais; 38 novas passarelas e 73 pontos de ônibus.

Os recursos serão aplicados também em melhorias em dispositivos de acesso e retorno, entre outras obras de infraestrutura viária, além de serviços como atendimento por equipes de socorro mecânico, guincho, primeiros socorros e monitoramento das rodovias por sistemas de câmeras. Os investimentos devem gerar mais de 10,6 mil empregos diretos e indiretos.

A rodovia também contará com o sistema automático livre, pagamento da tarifa de maneira 100% automática (sistema free flow), que permite uma cobrança mais justa em relação ao trecho percorrido. As vias atualmente sobre concessão da ViaOeste terão as praças de pedágios convertidas em pórticos, o que permitirá uma redução em torno de 20% na tarifa quilométrica da atual.

PPI-SP

O programa estadual visa atrair investimentos privados, com o objetivo de melhorar a prestação dos serviços públicos à população, ampliando as oportunidades de negócios, emprego, desenvolvimento socioeconômico, tecnológico, ambiental e industrial em São Paulo.

Secretaria de Parcerias em Investimentos