Secretaria de Parcerias em Investimentos

Secretaria de Parcerias
em Investimentos

Início » São Roque, Mairinque, Alumínio e Sorocaba recebem SPI para debater concessão de rodovias da região
Share

São Roque, Mairinque, Alumínio e Sorocaba recebem SPI para debater concessão de rodovias da região

São Roque, Mairinque, Alumínio e Sorocaba recebem Secretaria de Parcerias em Investimentos para debater concessão de rodovias da região

Consultas públicas dos lotes Nova Raposo e Sorocabana serão abertas em março. Investimento estimado é de R$ 17 bilhões

Os prefeitos de São Roque, Mairinque, Sorocaba e Alumínio receberam, nesta terça-feira (27), o secretário de Parcerias em Investimentos, Rafael Benini, para a apresentação dos projetos de concessão da Rota Sorocabana e Nova Raposo, que fazem parte do Programa de Parcerias de Investimentos do Estado (PPI-SP).

As reuniões trataram da concessão dos trechos rurais atualmente operados pela ViaOeste e trechos do DER-SP (Departamento de Estradas de Rodagem). O investimento atual está estimado em R$ 17,1 bilhões.   

Entre os dias 15 e 16 de fevereiro, o secretário visitou os prefeitos e representantes dos municípios de Itu, Pirapora do Bom Jesus e Cabreúva e com autoridades de Cotia, Itapevi, Araçariguama, Jandira e Carapicuíba, apresentando projetos do PPI, especialmente o trecho rodoviário Nova Raposo. No dia 22 de fevereiro, a equipe da Secretaria de Parcerias em Investimentos (SPI) visitou as cidades de Barueri e Santana do Parnaíba.

Rota Sorocabana

O projeto Rota Sorocabana faz parte da carteira do PPI-SP e teve estudos da Internacional Finance Corporation (IFC). O trecho a ser licitado tem 488 km quilômetros, no acesso à região sudoeste do Estado. Entre as intervenções previstas estão as faixas adicionais na SP-270 e SP-075, na região de Sorocaba para a Raposo, a conclusão da duplicação da SP-250 entre Vargem Grande Paulista, Ibiúna e Piedade, e da SP-079 entre Piedade e Votorantim. As obras também incluem faixas adicionais e acostamentos nos trechos de pista simples, correções de traçado, rampa de escape e faixa de subida na Serra de Tapiraí, além de um contorno em Juquiá.  

A proposta da Secretaria de Parcerias em Investimentos (SPI) é colocar os estudos técnicos e as minutas de edital e contrato em consulta pública em março para colher contribuições da sociedade. As audiências públicas deverão acontecer no mesmo mês. A previsão é publicar o edital e realizar o leilão neste ano.

Programa de Parcerias

O PPI-SP visa atrair investimentos privados, com o objetivo de melhorar a prestação dos serviços públicos à população, ampliando as oportunidades de negócios, emprego, desenvolvimento socioeconômico, tecnológico, ambiental e industrial em São Paulo.

Crédito de imagem: Artesp